segunda-feira, 9 de junho de 2014

Nike colocou os melhores jogadores de futebol do mundo contra seus clones

Você já se perguntou o que os melhores jogadores de futebol do mundo fariam, caso eles não trabalhassem com o esporte? Acontece que a Nike imaginou exatamente isso, sendo que o Neymar seria um cabeleireiro e Rooney um pescador — e essa espécie de realidade alternativa faz parte de uma campanha publicitária da marca para a Copa do Mundo do Brasil.
A animação foi batizada de “The Last Game” (“O Último Jogo,” em tradução livre) e mostra diversos jogadores de peso no cenário mundial, como Cristiano Ronaldo, Zlatan Ibrahimovic, Andrés Iniesta e David Luiz. O enredo conta como foram criados clones desses esportistas que atuam dentro de campo como se fossem máquinas, sem se arriscarem.
Por conta da alta eficiência dessas criações, os jogadores de carne e osso acabaram sem emprego e foram vender livros, dormir e sonhar com os dias que se passaram. No entanto, o aposentado Ronaldo Fenômeno (que tem um contrato vitalício com a Nike) reuniu todas essas personalidades para um jogo de desafio contra os clones.
Botando o coração em campo
O que o ex-jogador brasileiro diz é que o esporte não pode morrer, já que se arriscar faz parte do futebol — o que é verdade, afinal de contas, são as jogadas mais inesperadas que resultam nos gols e lances mais bonitos e ovacionados. Caso os esportistas originais perdessem essa partida, eles desistiriam para sempre do futebol.
Cada um dos jogadores conta com a sua própria cota como protagonista, sendo que a personalidade deles também foi mantida — de maneira caricata, mas foi.  AF-Informática não vai descrever o final para você, mas não se esqueça de deixar a sua opinião sobre a animação na forma de um comentário.

Fonte: Nike